quarta-feira 29 de maio de 2024

3 Verdades sobre Tomar a Sua Cruz e Seguir a Jesus!

Publicado: Modificado em 969 Visualizações
a cruz

Então, disse Jesus aos seus discípulos: Se alguém quiser vir após mim, renuncie-se a si mesmo, tome sobre si a sua cruz e siga-me; Mateus 16:24

Jesus disse aos seus discípulos que, se alguém quiser segui-lo, deve renunciar a si mesmo, tomar sua cruz e segui-lo. Essa instrução foi dada quando Jesus revelou que deveria ir a Jerusalém para sofrer nas mãos das autoridades, ser morto e ressuscitar no terceiro dia.

Pedro, tomado pelo medo e influenciado por Satanás, tentou impedir que isso acontecesse, mas Jesus repreendeu Satanás e deu a seus discípulos a instrução de renunciar a si mesmos e seguir sua vontade.

Renunciar a si mesmo significa deixar para trás o egoísmo e o pecado, e viver em conformidade com a vontade de Deus. Isso é o que o apóstolo Paulo quis dizer quando declarou que já estava crucificado com Cristo e que agora Cristo vivia nele.

Jesus deixou claro que devemos abandonar tudo o que nos afasta do seu caminho, incluindo nossa vontade humana e carnal.

Quando Jesus disse que devemos tomar nossa cruz e segui-lo, ele não estava se referindo a uma cruz de madeira, mas a um fardo espiritual que cada um de nós deve carregar. Isso pode ser uma doença, um problema familiar, financeiro ou qualquer outra dificuldade que enfrentamos na vida. J

esus nos orientou a não usar nossa cruz como um impedimento para seguir seu caminho.

Jesus não murmurou nem se lamentou sobre sua cruz, pelo contrário, ele renunciou sua vontade humana no Monte das Oliveiras para que a vontade de Deus fosse feita.

Essa é a verdadeira característica de um cristão autêntico, seguir Jesus independente das circunstâncias e carregar sua cruz, seja ela qual for.

Não importa qual seja a nossa cruz, o que importa é tomá-la e seguir em frente em direção ao Caminho, à Verdade e à Vida, que é Cristo Jesus.

Devemos sempre olhar para o alvo maior na vida de um crente, que é a salvação da alma e a coroa da vida eterna. Cristo renunciou à sua própria vida por nós, e devemos estar dispostos a fazer o mesmo por ele.

Em resumo, a instrução de Jesus para seus discípulos sobre renunciar a si mesmos, tomar sua cruz e segui-lo é uma chamada para abandonar nossa vontade humana e viver em conformidade com a vontade de Deus.

Devemos estar dispostos a carregar nossa cruz, seja ela qual for, e seguir firmemente em direção a Cristo, que renunciou à sua vida por nós.

Por isso, ao dizer “tome sobre si a sua cruz e siga-me”

Jesus estava nos chamando a deixar para trás o nosso egoísmo e pecado, a renunciar a nossa vontade e a aceitar as dificuldades que possam surgir em nosso caminho. E, mais do que isso, ele estava nos chamando a confiar em Deus e a seguir os seus passos, assim como ele fez em sua própria vida.

A cruz que cada um de nós carrega pode ser muito pesada e difícil de suportar. Mas, quando escolhemos seguir a Cristo, ele nos promete que nunca estaremos sozinhos nessa jornada. Ele estará conosco em cada passo do caminho, ajudando-nos a carregar a nossa cruz e nos dando a força e a coragem que precisamos para seguir em frente.

Além disso, a cruz também simboliza a redenção e a salvação que Jesus conquistou para nós na cruz do Calvário. Ao carregarmos a nossa própria cruz, estamos unindo-nos a Cristo em sua obra salvífica e aceitando o seu sacrifício como a nossa fonte de salvação e libertação. É por meio da cruz que somos reconciliados com Deus e recebemos a vida eterna.

Assim, a mensagem de Jesus em Mateus 16:24 é uma mensagem de convocação para todos os seus seguidores. Ele nos chama a seguir seus passos, renunciando a nossa vontade e carregando a nossa cruz. Mas, mais do que isso, ele nos chama a confiar em Deus e a viver em união com ele, aceitando o seu sacrifício como a nossa fonte de salvação e libertação.

Isso não significa que a nossa jornada será fácil. Ao contrário, a vida de um cristão pode ser cheia de desafios, lutas e sofrimentos. Mas, quando escolhemos seguir a Cristo, temos a promessa de que ele estará conosco em cada passo do caminho, nos ajudando a carregar a nossa cruz e nos dando a força e a coragem que precisamos para seguir em frente.

Portanto, que possamos tomar a nossa cruz, renunciar a nossa vontade e seguir os passos de Cristo, confiando em Deus e vivendo em união com ele.

Que possamos carregar a nossa cruz com alegria e gratidão, sabendo que ela nos conduzirá à vida eterna e à comunhão com o nosso Criador.

E que possamos sempre nos lembrar das palavras de Jesus em Mateus 11:28-30:

“Vinde a mim, todos os que estais cansados e oprimidos, e eu vos aliviarei. Tomai sobre vós o meu jugo e aprendei de mim, que sou manso e humilde de coração, e encontrareis descanso para as vossas almas. Porque o meu jugo é suave, e o meu fardo é leve”.

Você pode gostar de ler

Deixe seu comentário