domingo 16 de junho de 2024

A Importância da Oração em Meio à Aflição

Publicado: Modificado em 394 Visualizações
Aflição e a oração

Seja bem-vindo(a) ao Minutos com Deus, um espaço dedicado a explorar os aspectos mais profundos da vida e da espiritualidade. Aqui, convidamos você a embarcar em uma jornada de autodescoberta, reflexão e conexão com o divino.

“Porque não desprezou nem abominou a aflição do aflito, nem escondeu dele o seu rosto; antes, quando ele clamou, o ouviu.”Salmos 22:24

Na aflição, muitos tendem a ficar paralisados e esquecem que Deus não despreza a oração do aflito.

Esse sentimento acaba por causar não só dor emocional, mas também pode causar até mesmo dores físicas, fazendo com que o indivíduo prefira se isolar e ficar quieto em seu canto.

A aflição traz consigo sintomas como náuseas, agonia e até mesmo angústia.

Charles Spurgeon disse certa vez que a aflição de hoje não esvazia o sofrimento de amanhã, mas esvazia a força de hoje, e isso é uma grande verdade, pois a aflição, se não combatida, mina as nossas forças.

O salmista sabia muito bem disso e buscava em Deus, através da oração, o antídoto para sua aflição.

E ele testifica que quando clamou em meio à sua aflição, Deus não escondeu dele o seu rosto, e sim, o ouviu quando clamou.

Vários fatores podem nos deixar aflitos, diversos são os motivos diários para nos deixar neste estado terrível, mas nunca podemos esquecer que maior que o problema é Deus, e que Ele é pronto para ouvir nosso clamor.

E às vezes esse clamor não será com palavras, mas sim com choro, e o choro não é um sinal de fraqueza, e sim um sinal de que você precisa do Pai.

E esse Pai que está no céu não desprezará a oração do aflito.

Está aflito (a)? Então ore e se derrame diante de Deus, e Ele te ouvirá.

Você pode gostar de ler

Deixe seu comentário